quarta-feira, 24 de junho de 2009

Convite

Meus fofinhos,
O Marco convidou-nos a todos para irmos assistir ao Ensaio Geral da sua peça que está prestes a estrear.


Será nesta 2afeira, dia 29 às 21h00 no Teatro da Malaposta. Aparentemente o Teatro tem um gigante adamastor (também conhecido como segurança) que não permite a entrada depois da hora do espectáculo, por isso, já sabem!
Quem quiser ir, esteja lá um pouquinho antes das 21h00!




Beijinho!

terça-feira, 23 de junho de 2009


Meus anjos, obrigada uma vez mais pelas vossas palavras de força.
Eu cá estou no Hospital, numa grande luta para que tudo fique bem rapidamente. Tem sido difícil psicologicamente, mas resolvi dar o pulo com a ajuda do psiquiatra.
Deixo-vos um grande beijo, com toda a amizade e carinho.

Raquel

quarta-feira, 17 de junho de 2009

Inspiração...


E olho sempre de alto
Prás tristezas que Lisboa tem
Sou o Bairro Alto,
Pronto a dar o salto
Para um tempo novo que aí vem
Todo o bom filho sai
Conforme os pais que tem
O Fado é meu pai
Lisboa, minha mãe
E eles cantando
Vão-me preparando
Para um tempo novo que aí vem


Nem quando foi dos terramotos do Marquês
Nem com as maldades que o Fado sempre lhe fez
Do Bairro Alto, cá no alto, eu vi Lisboa a chorar
Deu sempre a volta, pôs-me à solta e ensinou-me a cantar


O tempo corre, mas a vida continua
Lisboa morre por sair comigo à rua
Fez uma marcha ao meu jeito
Vestiu-me a preceito
E cá vou eu a desfilar


Sou o Bairro Alto
E olho sempre de alto
Prás tristezas que Lisboa tem
Porque ela cantando
Me foi preparando
Para o tempo novo que aí vem
O Fado é meu pai
Lisboa, minha mãe
E um bom filho sai
Conforme os pais que tem


Sou o Bairro Alto
Pronto a dar o salto
Para um tempo novo que aí vem
Ou quando viu o Parque Mayer apagado
Do Bairro Alto, cá no alto, eu vi Lisboa a chorar
Do que era pranto, fez um canto e ensinou-me a cantar


O tempo corre, é a marcha desta vida
Lisboa morre por ver a sua Avenida
Cheia de gente tão diferente
A ver-me tão contente
Por ela abaixo a desfilar


Sou o Bairro Alto
E olho sempre de alto
Prás tristezas que Lisboa tem
Porque ela cantando
Me foi preparando
Para um tempo novo que aí vem
O Fado é meu pai
Lisboa, minha mãe
E um bom filho sai
Conforme os pais que tem
Sou o Bairro Alto
Pronto a dar o salto
Para um tempo novo que aí vem


Marcha do Bairro Alto 1995
José Mário Branco
Intérprete: Camané
E diz que o nosso Marco já está em produção criativa!
Catarina

sexta-feira, 12 de junho de 2009

Olhó ArTeeeeC fresquinho!


Meus queridos,O ArTeC foi convidado a fazer parte de umas banquinhas de divulgação dos Núcleos da nossa Associação de Estudantes, perto do Bar Novo.
Esta divulgação ocorrerá 5afeira, dia 18, e conto com vocês para me ajudarem! Infelizmente só estou disponível a partir das 20h00 e aquilo começa às 13h00...
Era preciso alguém (ou alguéns) para estar na nossa barraquinha a gritar pelo nosso ArTeC...
Se quisessem até podiam fazer grupo de duas ou mais pessoas para o tempo passar mais facilmente...
Vou fazer a banquinha 4afeira à noite, depois de sair do trabalho por isso se alguém quiser ir ajudar, é só aparecer no Bar Novo depois das 20h30!
Beijinhoooos!

Ah, e segundo últimas informações, a Raquel está já na fase de recuperação!
Energias positivas e Artequianas para ela!!!
Volta rápidoooo!

domingo, 7 de junho de 2009

Raqueliiii...


...estamos todos a torcer por ti!
Nós gostar de tu...
muitoooo
Beijinho bom!


sexta-feira, 5 de junho de 2009

Do vosso marquintónio

Caros amigos e amigas, há muito tempo que o ARTEC não conhecia um grupo de trabalho absolutamente tenaz e criativo, na expressão de uma arte, que embora seja praticadada em regime de part time, exigiu de cada um de vocês uma energia e entrega que fez do meu texto o vosso sucesso.

Já sabem que eu ladro muito mas nunca mordo. No entanto, este ano, voltei a ser "mordido" pelo entusiasmo dos primeiros anos de vida que este grupo teve.
Cada um de vocês trouxe uma energia, e um "estar", que regeneraram o que era preciso mudar, e solidificaram um espirito de grupo que há muito existe no ARTEC.

Não sou de lamechas, como vocês bem sabem, mas comoveu-me ver-vos a gritar merda no parque de estacionamento do restaurante onde fomos comemorar o nosso último dia.

Lembrei-me do Carlos, da Anick, do Carlucci, da Sónia, da Sandra, do Zé Pedro e de todos os outros que há mais de 17 anos atrás, depois de um workshop "suado" me convenceram a dirigir o nosso, "vosso", primeiro espectáculo.

É para mim uma honra ter trabalhado convosco nestes meses e ter assistido a momentos de criação divinos, dentro e fora dos ensaios.

Carissímos e Carissímas, em Setembro/Outubro lá nos encontraremos outra vez e garanto-vos que agora, depois de ver o que vocês são capazes de fazer, sinto uma grande responsabilidade, e até estou mesmo preocupado por vos poder fornecer um tapete que vos faça voar para longe...muito longe...

Não queria terminar este texto sem deixar o meu muito obrigado à Catarina e ao Pedro por tudo o que fizeram, nos nem sempre fáceis bastidores de um grupo como o nosso, que luta diariamente com as invejazinhas do costume, ou, com a inevitavel falta de bom senso de quem gostaria de estar no nosso lugar.

A Catarina agradeço todo o empenho e paciencia e ao Pedro, a dedicação a uma causa artistica que também passou a ser dele.

Amiguinhos (as) tenham umas optimas férias e se puderem vão ao tal "Bairro" para se inspirarem para Outubro.

Bjs

Marcantonio

Jantar/Ceia ArTeC 30-05-2009

The Master

Fantasminha Brincalhão

Er... coiso.


Inês que desenha manga e a que parece um desenho manga!



P's: Pedro e Produtora!


Cônbíbío!




Cônbíbío!



Olha mãe: Faz SOPA!


quarta-feira, 3 de junho de 2009

Um abraço neste ponto de encontroooo...


Meus amores,
já reservei bilhetes e, como há pessoal que não sabe onde aquilo fica, combinamos todos juntos no Metro do Sr. Roubado às 21h00, boa?
Eu já lá devo estar porque temos que levantar bilhete até às 20h40.
Resumindo:
21h
6afeira
Metro do Sr. Roubado.

terça-feira, 2 de junho de 2009

Jantar/Ceia ArTeC 30-05-2009

A 3a idade do ArTeC

Inêses



Amadeu e as suas gaIjas =P





Filipa, Amadeu, Diana e Helga






O Mestre!







O que perdeu o juízo!





A leitura da prenda.


Amanhã há mais!

Próxima paragem.... Bairro Alto!


Um convite.... uma saída para um encontro... conversas paralelas... abstractas... "despreconceituosas"... mais um copo vazio... como a alma de muitos... almas vadias... boémias... almas loucas... sôfregas... sedentas de amor.. aventura... uma mão que se estende... corpos que se tocam na noite... em busca de quê?

Pessoal, bute?

Portantos é assim.
Encontro Artequianos:
6afeira, 5 de Junho
Teatro da Malaposta
21h30 (hora do início do espectáculo)
Os bilhetes são oferta do ArTeC ;)
Bute?
Respondam com urgência para reservar, ó faxavôri
Catarina

Próxima paragem... Bairro Alto!


Um convite.... uma saída para um encontro... conversas paralelas... abstractas... "despreconceituosas"... mais um copo vazio... como a alma de muitos... almas vadias... boémias... almas loucas... sôfregas... sedentas de amor.. aventura... uma mão que se estende... corpos que se tocam na noite... em busca de quê?

Raquel